domingo, 22 de julho de 2012

Mais de 6 mil ataques de homofobia em 2011

Mais de 6 mil denuncias de homofobia foram registradas no ano passado em todo o Pais. Segundo o “Relatório Sobre Violência Homofóbica no Brasil: o ano de 2011”, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, mais da metade deles aconteceram em ambientes domésticos. Piauí e Distrito Federal foram os campeões no registro de denúncias contra homossexuais.

Segundo o levantamento, 42% dos casos foram registrados no ambiente doméstico - a maior parte (21%) na casa da própria vítima.
Jovens, negros e pardos são as principais vítimas da homofobia. A explicação, diz o documento, pode estar no fato de que eles se recusam a ficar limitados ao que o estudo chama de “gueto LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros): eles não aceitam frequentar apenas lugares voltados a esse público. E acabam se tornando alvos deste tipo de agressão.
Durante o ano passado, o governo federal registrou 6.809 denúncias de agressões contra homossexuais. O estudo calcula o número de denúncias por 100 mil habitantes. E elencou os Estados de maneira proporcional, com o número de denúncias em comparação com o número de habitantes de cada Estado.

 Assim, o Piauí, primeiro estado da lista, registrou 288 casos, uma taxa de 9,23 denúncias a cada 100 mil habitantes. Brasília ficou em segundo lugar, com 225 denúncias de agressão, ou 8,75 queixas a cada 100 mil habitantes.


Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário