segunda-feira, 9 de maio de 2011

Piloto confirma que Marrone guiou helicóptero envolvido em acidente, diz polícia

Luís Fernando Neves/Divulgação


O piloto Almir Carlos Bezerra, um dos feridos na queda do helicóptero de Marrone, da dupla sertaneja Bruno e Marrone, confirmou que o cantor guiou a aeronave em algumas partes do trajeto no dia da queda, na última segunda-feira (2). A informação é do delegado André Luiz Chaim, responsável pelo caso, que recolheu o depoimento do piloto na última quinta-feira (5).
Segundo Chaim, Bezerra afirmou que na hora do acidente ele pilotava o helicóptero, mas no trecho de Curitiba a São José do Rio Preto, no interior de SP, Marrone "comandou a aeronave rapidamente" algumas vezes. O delegado ainda afirmou que, na hora da queda, Bezerra estava no lado esquerdo e, como piloto, deveria estar no lado direito do helicóptero.

- Estava o Marrone no lugar do piloto, que é o direito. Não há contradição em relação a isso porque o piloto falou que estava no lado esquerdo e o Marrone estava no direito. Não estamos dizendo aqui nem que sim e nem que não. Estamos em busca da verdade.

O secretário particular do cantor Marrone, Jardel Alves Borges, 33 anos, saiu do coma induzido no domingo (8). Ele continua desacordado, mas respondeu a estímulos nos pés. Bezerra teve alta da Santa Casa de São José do Rio Preto no sábado (7). De acordo com a assessoria, o cantor Marrone está descansando em sua casa em São Paulo. Seu estado clínico é bom.

O inquérito sobre o caso foi aberto na sexta-feira (6) para investigar o acidente com o helicóptero do cantor Marrone. De acordo com o delegado, a intenção é identificar quem pilotava a aeronave e quem é o responsável pelas lesões corporais culposas (sem intenção).
Outras três testemunhas já foram ouvidas, segundo Chaim. Uma delas também afirmou que o piloto estava do lado esquerdo do helicóptero, mas que não sabia afirmar quem controlava a aeronave.


FONTE:R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário