domingo, 22 de maio de 2011

Centrais do cidadão vão parar atendimento

Serviços nas centrais do cidadão estão comprometidos por problemas de estrutura e falta de material de expediente
A população potiguar e a administração pública enfrentarão mais uma paralisação de serviços públicos esta semana. Os servidores que atuam nas Centrais do Cidadão irão suspender o atendimento ao público, a partir da próxima terça-feira, dia 24. O movimento visa pressionar o governo a retomar o pagamento das gratificações de gabinetes – em atraso desde janeiro deste ano - que foram suspensas na última semana por decreto da governadora Rosalba Ciarlini. Em todo o Estado, são 842 servidores, cedidos de diversas secretarias estaduais e prefeituras que trabalham em 22 Centrais.
O abono, no valor de R$ 600, para profissionais de nível superior e de R$ 450,00 para os de nível médio, faz parte do acordo para cessão à repartição e ao trabalho de atendimento, com horário diferenciado de terça à sábado. “Muitos funcionários estão tendo dificuldades inclusive para pagar a condução e vir trabalhar. É um direito nosso que está sendo privado. E não há uma resposta sobre quando e como  esse impasse será resolvido”, observa a supervisora Jaíra Peres.

FONTE:TRIBUNA DO NORTE


Nenhum comentário:

Postar um comentário